Redes Sociais

Resenha: O Último Adeus de Sherlock Holmes - Sir Arthur Conan Doye


Autor: Sir Arthur Conan Doyle
Editora: Melhoramentos
Nome Original: His Last Bow
Nº de Páginas: 144
Skoob / Buscapé

Sempre gostei muito das histórias do personagem Sherlock Holmes e adoro ficar tentando adivinhar com a mesma perspicácia que ele sempre consegue. Tenho vários livros dessa série, não tenho certeza se já resenhei todos eles...

Nesse exemplar temos algumas das aventuras e trabalhos que Holmes conseguiu desvendar os mistérios e que Watson, seu fiel amigo e escudeiro, ajudou ou presenciou.

Para aqueles que lendo o título ficou assustado não se preocupem o final é bem como eu imaginava ser e queria que fosse, mas estava com receio de ver meu personagem favorito do gênero romance policial.

Não tem muito o que dizer desse livro por se tratar de vários trabalhos que os personagens se encarregam e que contém muitos personagens secundários...

Mas posso falar sobre Holmes, ele é o tipo de personagem que você sempre é surpreendido com suas atitudes, nunca age conforme eu esperava que agisse e em algumas histórias chega a ser tão perigoso e convincente que até mesmo o leitor fica sem ter o que pensar.

E tem o Watson, que sempre está presente para o que der e vier ao lado do detetive e que mesmo algumas vezes achando que certas circunstâncias e atitudes não tenham lógica alguma, ele enfrenta de cabeça erguida e com plena confiança de que Holmes sabe o que está fazendo.

Uma dupla implacável que conquistou há muito tempo um lugar no meu coração e na minha estante, espero conseguir completar essa coleção que é tão querida por mim.

Sobre o autor:

Sir Arthur Ignatius Conan Doyle  (Edimburgo, 22 de maio de 1859 — Crowborough, 7 de julho de 1930) foi um escritor e médico britânico, nascido na Escócia, mundialmente famoso por suas 60 histórias sobre o detetive Sherlock Holmes, consideradas uma grande inovação no campo da literatura criminal. Foi um escritor prolífico cujos trabalhos incluem histórias de ficção científica, novelas históricas, peças e romances, poesias e obras de não-ficção.
Arthur Conan Doyle viveu e escreveu parte de suas obras em Southsea, um bairro elegante de Portsmouth.

© ATRASADA PARA O CHÁ- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por