(Reflexão) A Volta da Livromaníaca


Se for para levar o tempo no literal, sou blogueira à seis anos mas como as primeiras postagens não são tão dignas de respeito e consideração, eu digo que são cinco. Nesse tempo eu devo ter parado, voltado, mudado tudo de lugar e depois retomar o antigo tantas vezes que nem consigo contar. 

Já foram tantos nomes e urls utilizadas que nem vou tentar citar todas aqui, mas como sempre se diz: "O bom filho a casa torna". E é assim que eu retorno a ter o antigo - e primeiro - nome e objetivo do blog, não que eu não tenha meus surtos de querer fazer algo totalmente diferente do que estou fazendo. Tenho esse probleminha de querer fazer tudo de uma vez só, começo várias e não termino nenhuma ideia. 

Pensando nisso, já repararam que algumas pessoas precisam se queimar para não colocar mais a mão no fogo? Eu sou dessas. Preciso apanhar e sofrer para aprender algum lição, eu antigamente pensava que conseguia aprender apenas observando os erros alheios, que inocência. Depois que eu quebrei a perna e não pude andar por mais de dois meses (não podia colocar o pé no chão) foi que eu acordei para várias coisas. O que isso tem a ver com o blog? Tudo.

Um blogueiro é influenciado por sua vida pessoal, tanto na qualidade dos seus textos quanto no conteúdo apresentado. Um blogueiro literário então, é só reparar nas postagens de alguém para saber como essa pessoa está se sentindo. O gênero de livros mais curtidos e elogiados naquele momento são uma boa dica de como está o humor de quem escreve. Tive minhas fases de leitura, onde eu pegava somente um gênero para ler - e qualquer outro que eu começava não me conquistava - como por exemplo, a época dos vampiros, dos zumbis e da distopia. No momento estou muito interessada nos clássicos... mas estou tentando ler alguns de fantasia primeiro.

De qualquer maneira acho que estou refletindo demais e quando iniciei essa postagem eu tinha um objetivo em mente, mas no fim tomou um rumo totalmente diferente. Acho que sou assim mesmo, meio indecisa com tudo mas com muita empolgação para começar coisas novas, então espero que gostem desse recomeço do blog, onde retorno as minhas origens.
© ATRASADA PARA O CHÁ- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por